CONGRESSO

Deputados do PSD entre os mais influentes do Congresso

André de Paula (PE), líder da sigla na Câmara, Domingos Neto (CE) e Fábio Trad (MS) são destaques do partido no ranking elaborado pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar

10/06/2019

FacebookWhatsAppTwitter

André de Paula, Fábio Trad e Domingos Neto

 

Três deputados federais do PSD se destacam no ranking organizado pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), que reúne parlamentares considerados líderes, mais influentes nos debates, votações e com grande capacidade de articulação. Intitulado “Os cabeças do Congresso”, o levantamento ressalta a atuação de André de Paula (PE), líder da sigla na Câmara, Domingos Neto (CE) e Fábio Trad (MS).

Também entraram para a lista os senadores do PSD Sérgio Petecão (AC), Omar Aziz (AM), Otto Alencar (BA) e Nelsinho Trad (MS). “O resultado reflete o prestígio e o peso político da bancada do PSD no Congresso”, afirma André de Paula. Já Domingos Neto atribui o prêmio ao mandato participativo.

Senador Sérgio Petecão (AC)

“Fico feliz por conduzir o mandato do jeito que sou cobrado nas ruas, e isso reflete em toda atuação parlamentar e o reconhecimento de profissionais e do próprio povo. Parabéns à nossa aguerrida bancada do PSD que ocupa lugar de destaque no prêmio Cabeças do Congresso”, disse.

 

Único deputado do Mato Grosso do Sul a figurar na lista, Fábio Trad está pela terceira vez entre os mais influentes. “Nos esforçamos com muito estudo, disciplina e vontade de aperfeiçoar.É um reconhecimento que compartilho com todos que me fizeram chegar até aqui”, agradeceu.

Senador Omar Aziz (AM)

O ranking do Diap reúne parlamentares considerados líderes, mais influentes nos debates, votações e com grande capacidade de articulação. O instituto também leva em conta projetos apresentados, discursos proferidos, relatorias de propostas, frequência e citações na imprensa. A lista que destaca o trabalho de deputados e senadores existe desde 1994.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FacebookWhatsAppTwitter

  0 Comentários

FacebookWhatsAppTwitter