PSD Mulher

Em defesa do empreendedorismo e das causas sociais

Deputada estadual do PSD do Amapá, Aparecida Salomão destaca-se em programa de geração de emprego e renda para mulheres e projetos voltados ao bem-estar de crianças e idosos

04/10/2017

FacebookWhatsAppTwitter

Aparecida Salomão: “Há muito incentivo aos homens, mas as mulheres são sempre esquecidas”

 

 

O estímulo ao empreendedorismo, o engajamento em causas sociais e o incentivo ao esporte local são as principais bandeiras políticas da deputada estadual do Amapá, Aparecida Salomão (PSD). Primeira suplente nas eleições de 2014, ano de sua estreia nas urnas, a parlamentar exerce o mandato desde maio de 2016.

Líder do PSD na Assembleia e vice-presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Empreendedorismo, Cooperativismo e Economia Solidária (Fecesap), Aparecida fala com orgulho do projeto Caminho Empreendedor. Promovida em parceria com a Agência de Fomento do Amapá, a iniciativa fomenta a geração de emprego e renda para mulheres, com a realização de palestras de capacitação e o financiamento das participantes cadastradas.

No último dia 30, a deputada participou de mais uma edição do programa, em Laranjal do Jari, município localizado na região Sul do Amapá. O evento também contou com a participação de mulheres da cidade vizinha, Vitória do Jari.

Ainda no âmbito do empoderamento das mulheres, a deputada destaca-se por ser grande apoiadora do futebol feminino e autora de projeto de lei que reivindica a adoção, por parte do Governo do Estado, de políticas de estímulo à prática do esporte. “Há muito incentivo aos homens, mas as mulheres são sempre esquecidas”, afirma.

“Temos de enfrentar desafios e buscar mais espaços na política”

Preconceito

Ao menos na representação política, o Amapá é um exemplo da força feminina. Do total de 24 parlamentares que compõem a Assembleia, 11 são mulheres, entre elas a deputada Edna Auzier, que também integra a bancada do PSD.

Apesar das conquistas, Aparecida frisa que há muito a avançar na luta pela igualdade de gêneros. “Os espaços de poder ainda são muito masculinos. Nós temos de enfrentar desafios e buscar mais espaços na política”, avalia a parlamentar, que obteve 4.288 votos na eleição para o Legislativo, número expressivo no universo de cerca de 450 mil eleitores do Amapá.

Idosos e crianças

Outra proposta relevante apresentada por Aparecida dispõe sobre a criação do Centro de Referência para idosos. “O projeto tem a finalidade de promover ações integradas para o envelhecimento saudável, com a prestação de assistência à saúde, atendimento psicossocial, médico e odontológico. Valorizar os idosos é tratar o futuro com respeito”, frisa a deputada. Aparecida também é autora do projeto que propõe a aplicação da versão ampliada do Teste do Pezinho (exame realizado em recém-nascidos para a detecção de doenças) em todas as unidades da rede pública de saúde do Estado.

FacebookWhatsAppTwitter

COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário!




*

FacebookWhatsAppTwitter