Rio Grande do Sul

Cláudia Araújo assume cargo de vereadora em Porto Alegre

Cláudia Araújo é comerciante e fundadora da Associação Beneficente Amor ao Próximo

Reconhecida pelo trabalho voluntário que realiza há mais de uma década, auxiliando pessoas carentes, a gaúcha Cláudia Araújo (PSD) tomou posse esta semana como vereadora da Câmara Municipal de Porto Alegre. Eleita como suplente na eleição de 2016, com 2.078 votos, ela vai ocupar a vaga deixada por vereador que teve o mandato cassado pela Justiça Eleitoral na semana passada, por infidelidade partidária.

A cerimônia ocorreu no gabinete da presidência da Casa, no dia anterior ao início do recesso legislativo.

Cláudia Araújo é comerciante e fundadora da Associação Beneficente Amor ao Próximo, que apoia ações de proteção a idosos, crianças em situação de vulnerabilidade social, moradores de rua e pessoas com deficiência. Uma das principais bandeiras da ONG é a sustentabilidade.

A Associação Beneficente Amor Ao Próximo começou com um grupo no Facebook, onde é feita a prestação de contas e exposição dos casos novos, que chegam diariamente. O grupo presta serviços a diversas famílias, faz arrecadação de lacres (para trocar por cadeira de rodas) e tampinhas (troca por leite e outros materiais), distribui comida para moradores de rua de Porto Alegre e região.

Cláudia assume o lugar de Nelcir Tessaro (DEM). Por unanimidade, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) julgou procedente um recurso do PSD, que pediu o mandato de Tessaro de volta. Ainda na legenda, ele ficou como segundo suplente ao receber 2.447 votos nas eleições de 2016. Dois anos mais tarde, trocou o PSD pelo DEM e assumiu o cargo de vereador com a renúncia de Thiago Duarte – que elegeu-se deputado estadual – e a morte do vereador Tarciso Flecha Negra. O TRE-RS decidiu por unanimidade pela cassação do mandato. Tessaro afirmou que irá recorrer da decisão ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).