PARANÁ

Programas sociais vão beneficiar um milhão de moradores

Governador Ratinho Junior (PSD) ampliou iniciativas voltadas a famílias em situação de vulnerabilidade no Estado, como o projeto de transferência de renda e as tarifas sociais de água e luz

23/11/2021

FacebookWhatsAppTwitter

O governador Ratinho Jr. durante a cerimônia de lançamento do Paraná Solidário

Redação Scriptum

 

O governador Ratinho Junior (PSD) lançou nesta segunda-feira (22) o Paraná Solidário, pacote social que amplia benefícios para moradores em situação de vulnerabilidade no Estado. A iniciativa torna permanente o programa Comida Boa, que permite a transferência de renda a famílias em situação de pobreza e extrema pobreza não atendidas pelo Governo Federal. Além disso, será ampliado o número de beneficiados por auxílios para o pagamento do aluguel e das tarifas de água e luz. A gestão estima que cerca de um milhão de pessoas serão impactadas pelas ações, que vão receber investimento de R$ 485,6 milhões por ano.

“Este é o maior pacote social do Brasil e atende uma cadeia ampla. O Paraná Solidário abrange diversas áreas, desde a energia elétrica até a segurança alimentar. Ninguém consegue ser feliz se estiver faltando comida na geladeira, se não tem acesso à luz elétrica e à água potável para refrigerar esse alimento ou tomar um banho quente”, destacou Ratinho Junior.

O governador explicou, ainda, que as ações vão beneficiar pessoas inseridas no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), mas será feito um recadastramento nos centros de referência em assistência social para a seleção das famílias. “A previsão é que o Comida Boa comece a funcionar até o final de dezembro. Estamos agora fazendo um chamamento público para contratar a instituição financeira que fará esses pagamentos.” Ainda segundo Ratinho Junior, “o Paraná é um dos maiores produtores de alimentos do Brasil e do mundo e não podemos admitir pessoas passando fome no Estado.”

FacebookWhatsAppTwitter

  0 Comentários

FacebookWhatsAppTwitter