Loading

Pesquisar

MUNICÍPIOS

Em Curitiba, busca ativa contra o câncer de mama

Central de Saúde da gestão do prefeito Rafael Greca (PSD) liga diretamente para mulheres com exames em atraso e faz agendamento. E essa é apenas uma das estratégias adotadas contra a doença

09 de out de 2023 · cancer de mama, central de saúde, Curitiba, prefeito, Rafael Greca

Técnicos de enfermagem da Central de Saúde de Curitiba são os responsáveis pela busca ativa

Edição Scriptum com Prefeitura de Curitiba

A gestão do prefeito de Curitiba, Rafael Greca (PSD), está indo além das ações de conscientização sobre a importância da prevenção ao câncer de mama. Na capital do Paraná, mulheres entre 50 e 69 anos de idade que estão com exames de mamografia atrasados estão sendo contactadas pessoalmente pela Central de Saúde do município para agendar o exame preventivo do câncer de mama.

Esta é mais uma das estratégias adotadas pela Secretaria Municipal da Saúde para reforçar o compromisso que todas as mulheres devem ter com a saúde. “Precisamos manter os exames preventivos de nossa população em dia e a busca ativa é uma das estratégias para lembrar às mulheres sobre a hora de voltar a realizar a mamografia”, explica a secretária municipal da Saúde, Beatriz Battistella, com um alerta: “Se você receber uma ligação do número 3350-9000, atenda! É a Central Saúde Já com um recado importante para sua saúde.”

Com a tecnologia cada vez mais disponível na palma da mão, é comum que as pessoas não atendam a ligação de um número que não está em seus contatos. Por isso, a Central pede atenção à população, pois mantém a estratégia de ligar para os números cadastrados no prontuário eletrônico.

A coordenadora da Central Saúde Já, Sheila Casagrande, explica que os técnicos de enfermagem são os responsáveis pela busca ativa. Com a listagem do público-alvo em mãos, mulheres de 50 a 69 anos que não realizam a mamografia há dois anos ou mais estão sendo contactadas. Diariamente eles tentam o contato para oferecer a melhor data e horário para o exame.

“As ligações são feitas em horários com menor fluxo de atendimento na Central, inclusive nos fins de semana, quando as pessoas geralmente estão mais disponíveis”, diz a coordenadora. Segundo ela, o volume de ligações não corresponde ao número de exames agendados. “Das mais de 600 ligações de busca ativa realizadas em um sábado, só foram agendadas seis mamografias.”

Números

Em 2022, foram agendadas 5.249 mamografias de rastreamento pela Central Saúde Já Curitiba. Em 2023, de janeiro a setembro, foram 1.153 agendamentos por essa modalidade.

Profissional de saúde aposentada, a técnica de enfermagem Genilda Ana de Oliveira, de 61 anos, havia confundido as datas e não lembrava quando tinha feito a última mamografia. Apesar de muitas vezes não atender o telefone, ela retorna a ligação recebida. “Hoje está muito mais fácil, a gente consegue agendar os preventivos por telefone, é um serviço muito bom”, declarou. O tempo entre o telefonema e o exame foi de cerca de dez dias e agora ela só tem que buscar o resultado e levar para a médica na Unidade de Saúde Vila Machado, no Capão Raso.

A aposentada Sandra Canetti, de 64 anos, frequenta a Unidade de Saúde Iracema, no Cajuru, e também teve o exame agendado depois de ligar para a Central Saúde Já. Sandra havia realizado a última mamografia há dois anos e estava na hora de refazê-la. “Foram muito atenciosos comigo e em uma semana fiz a mamografia. Vocês estão de parabéns”, elogiou, feliz com o resultado negativo para o câncer de mama.

Além da busca ativa da Central Saúde Já, as equipes multiprofissionais das unidades de saúde também estão atentas aos prazos para a realização dos exames preventivos. “A campanha Outubro Rosa é uma oportunidade para falar sobre a prevenção do câncer de mama, mas é importante que as mulheres saibam que a prevenção se faz o ano todo e nossas equipes trabalham para oferecer às usuárias ações de saúde integral”, relembra Beatriz Battistella.

Informações Partidárias

Notícias