Loading

Pesquisar

CONGRESSO

Frente define agenda de ações de combate à fome

Câmara une frentes parlamentares para ações imediatas e de longo prazo de combate à fome. Marcelo Ramos (PSD-AM) destacou que a questão “é urgente e não pode esperar”

23 de fev de 2022

O deputado Marcelo Ramos

Redação Scriptum com Agência Câmara

O primeiro vice-presidente da Câmara, deputado Marcelo Ramos (PSD-AM), participou na manhã de quarta-feira (23) da primeira reunião da Frente Parlamentar Mista de Combate à Fome no Brasil, que neste ano vai funcionar integrada com a Frente Parlamentar de Segurança Alimentar e Nutricional, ambas criadas em 2019.

Para o parlamentar amazonense, a questão da fome no País “é urgente e não pode esperar. O Brasil tem 20 milhões de brasileiros passando fome, 116 milhões comendo menos do que precisam comer”. Ramos destacou que a ideia é “unificar as duas frentes e montar uma agenda que tem um lado legislativo, de desenvolvimento de políticas públicas, que atuará no médio e longo prazo, e um lado de mobilização solidária da sociedade, para que a gente resolva um problema imediato que não pode esperar, que é colocar comida na mesa das pessoas”.

Entre as ações propostas por Ramos estão a destinação de emendas parlamentares para restaurantes populares e a mobilização de empresas para a captação de doações. Segundo a agenda proposta pelo vice-presidente da Câmara, a próxima reunião do grupo ocorrerá no dia 9 de março, para apresentação da agenda legislativa e mobilização de setores empresariais.

No dia 16 de março, será realizada reunião com organizações que trabalham com o combate à fome. No dia 23 de março será promovida reunião sobre a primeira infância, com entidades ligadas ao tema. E no dia 4 de abril a ideia é realizar uma comissão-geral no Plenário da Câmara dos Deputados sobre a fome.

A reunião contou também com a participação de representantes de empresas e de entidades como o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

Informações Partidárias

Notícias