Loading

Pesquisar

8 DE MARÇO

Lideranças do PSD destacam o Dia Internacional da Mulher

Parlamentares e integrantes do partido demonstraram solidariedade e apoio à causa feminina, reforçando a necessidade de ampliar a participação das mulheres nas decisões nacionais

08 de mar de 2022

A coordenadora nacional do PSD Mulher, Alda Marco Antonio: “É dia de reavaliar as lutas e recobrar as forças, porque a luta continua”

Redação: Scriptum

Lideranças do PSD de todo o Brasil se manifestaram nesta terça-feira (8) pela passagem do Dia Internacional da Mulher. Para eles, a defesa dos direitos femininos deve ser uma luta constante e precisa ser reforçada. O presidente nacional do partido, Gilberto Kassab, destacou em suas redes sociais que “acontecimentos recentes só reforçam a minha convicção na importância de apoiar o empoderamento feminino e a ampliação da participação das mulheres nos lugares de poder”.

Ele parabenizou todas as brasileiras pela força que vêm demonstrando e enfatizou sua disposição em seguir na luta pelos direitos femininos. “Uma sociedade mais justa começa com o reconhecimento do valor das mulheres. O PSD, não só através do PSD Mulher, mas também da atuação de todos os seus parlamentares, trabalha para que o Brasil seja um país menos misógino e mais igualitário”, afirmou.

Alda Marco Antonio, coordenadora nacional do PSD Mulher, postou em suas redes sociais que o 8 de março “é dia de reavaliar as lutas e recobrar as forças, porque a luta continua”. Alda, juntamente com a vice-coordenadora nacional, Adriana Flosi, e a secretária nacional, Ivani Boscolo, divulgaram esta semana nota de repúdio à fala em que o deputado estadual paulista Artur do Val se refere de modo ofensivo às mulheres ucranianas. As integrantes do PSD Mulher, diz a nota, “solidarizam-se com as mulheres ucranianas e sentem-se também atingidas pelas palavras insensíveis, machistas e preconceituosas do deputado Arthur do Val, que demonstrou desprezo às mulheres e à condição de vítimas do flagelo da guerra”.

O senador Otto Alencar, do PSD da Bahia, também manifestou sua solidariedade e apoio à causa feminina. “Tenho orgulho de fazer isto na condição de presidente do PSD Bahia, o partido com o maior número de mulheres do nosso Estado. Também na posição de legislador que no Senado Federal propõe, defende e luta pela aprovação de projetos de valorização e proteção das mulheres do nosso Brasil. Sua força e capacidade está mais do que provada. Agora, é hora de ser ainda mais representada e valorizada. Seja na política, na busca por direitos, na defesa da igualdade, estou sempre ao seu lado. Hoje e sempre”, afirmou.

O governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior (PSD), parabenizou pelas redes sociais as mulheres paranaenses, “mulheres trabalhadoras, agricultoras, empresárias, mães, filhas, netas que estão todos os dias dando o seu melhor pela sua família e pelo nosso Paraná!”.

Por sua vez, o deputado federal Fábio Trad, que integra na Câmara a Comissão de Defesa dos Direitos das Mulheres, lembrou que no dia 8 de março “celebramos uma causa que deve ser celebrada todos os dias do ano”.

Também o senador Sérgio Petecão, do PSD do Acre, se manifestou sobre a data. “Hoje é um dia de luta… contra o feminicídio, pela equidade de salários, pelo direito de não serem demitidas logo depois da licença maternidade, pelo direito de andarem na rua sem serem violadas ou assediadas. Contem comigo nessa luta”, disse.

Informações Partidárias

Notícias