Loading

Pesquisar

ELEIÇÕES 2022

Marquinhos anuncia plano de governo regionalizado

O pré-candidato do PSD ao governo de Mato Grosso do Sul, Marquinhos Trad, anunciou em Coxim, na região Norte do Estado, que seu plano de governo terá atenção especial aos mais vulneráveis

12 de abr de 2022 · Campo Grande, Eleições 2022, Marquinhos Trad, MS

Marquinhos em Coxim: “Programa será feito de maneira regional, com soluções personalizadas”

Redação Scriptum com assessoria

O pré-candidato do PSD ao governo de Mato Grosso do Sul, Marquinhos Trad, anunciou na segunda-feira (11), em Coxim, onde participa das comemorações dos 124 anos do Município, que terá um plano de governo regionalizado e com atenção especial aos mais vulneráveis. “As pessoas serão o centro do meu governo. Principalmente os mais vulneráveis. Todos os nossos programas de governo serão feitos de maneira regional, em busca de soluções personalizadas”, declarou.

Em Coxim, cidade de 34 mil habitantes na região Norte do Mato Grosso do Sul, Marquinhos anunciou o planejamento ao citar problemas recorrentes em todos os municípios que tem visitado. Lembrou da falta de moradia na cidade e da dificuldade que os moradores encontram para conseguir um emprego.

Por que os homens aqui estão procurando emprego e estudo cada vez mais distante das suas famílias? Porque não há ainda a consciência exata de uma política voltada para geração de emprego dentro de Coxim. O que se tem feito para isso? Tem que enfrentar a questão com seriedade, com responsabilidade. Chega de mentiras, de engodo. As pessoas não dão a devida seriedade naquilo que deveria dar: geração de emprego, capacitação desta gurizada que vive distribuindo currículos e estão vendo portas sendo fechadas nas suas caras”, declarou.

O pré-candidato do PSD ressaltou a importância de mudança, com um governo mais justo e humano. “Há 24 anos este Estado é comandado por três pessoas, cada um com oito anos. Agora, temos um que quer permanecer e completar 16 anos e outros dois querendo voltar. Nós nos colocamos neste momento de eleição para mostrar a população de Mato Grosso do Sul: ou a gente dá sequência ao continuísmo; ou a gente retrocede; ou a gente pensa no futuro. É uma mudança com segurança. O que eu quero, se Deus nos der a condição de governar o Estado, é exatamente um governo justo, olhando para as pessoas, se aproximando do ser humano”, afirmou.

Questionado sobre as dificuldades que terá ao enfrentar grandes partidos e candidatos apoiados pelo Governo do Estado, Marquinhos lembrou da trajetória vitoriosa em todas as eleições que participou (vereador, deputado eleito por três mandatos e prefeito eleito e reeleito na Capital) e de como sempre encarou as dificuldades que a vida lhe apresentou.

Eu nunca enfrentei nenhum desafio da minha vida sem antes estar preparado para quando ele chegasse. As oportunidades da vida nunca foram enxergadas por mim como dificuldade; ao contrário. Eu vejo, nas adversidades, momentos de criação de oportunidades. É a determinação de uma nova geração, com uma mudança de pensamento, olhando e cuidando das pessoas. Com honestidade, de mãos limpas, ficha limpa, sem ter problemas na Justiça e com um governo de planejamento”, concluiu.

Informações Partidárias

Notícias