Loading

Pesquisar

Eleições

No Rio, candidatura de Indio da Costa recebe apoio do PSB

O representante do PSD recebeu o apoio da agremiação mais assediada pelos candidatos cariocas. A vaga de vice-prefeito da chapa será do deputado Hugo Leal, presidente estadual do PSB

08 de ago de 2016

Hugo Leal e Indio da Costa terão o apoio da presidente do Partido da Mulher Brasileira, Suêd Haidar.

Hugo Leal e Indio da Costa terão o apoio da presidente do Partido da Mulher Brasileira, Suêd Haidar.

Oficializada pela convenção realizada no dia 30 de julho, a candidatura do deputado federal Indio da Costa, do PSD, à Prefeitura do Rio recebeu no final da semana passada o apoio do Partido Socialista Brasileiro (PSB), a agremiação mais assediada pelos candidatos a prefeito do Rio. A confirmação foi feita pelo presidente estadual do PSB, deputado federal Hugo Leal, que será o candidato a vice-prefeito da chapa. “Batemos o martelo, ou melhor, a machadinha”, disse Leal, numa brincadeira com o nome do escolhido. O PSD dará apoio ao novo aliado em duas cidades consideradas estratégicas para o PSB: Niterói e São Gonçalo. A coligação de Indio contará também com o Partido da Mulher Brasileira (PMB).

 

Em seu discurso na convenção do PSD, Indio da Costa adiantou seus objetivos: “Queremos morar numa cidade limpa, numa cidade segura, numa cidade acolhedora. Numa cidade que seja um celeiro de oportunidades para os nossos jovens, que tenha uma Prefeitura que ofereça saúde que atenda de forma humana, educação que forme nossos filhos e nossos netos. E segurança, com uma Guarda Municipal respeitada, admirada e integrada às forças do Estado”, disse o candidato.

Ele agradeceu ao apoio do presidente do partido, Gilberto Kassab, e conclamou os militantes a se engajarem à campanha. “Vamos ganhar com a vontade do eleitor, e não no tapetão, como tentaram fazer com a gente antes da disputa começar. Com coragem, humildade e espírito público vamos juntos renovar a esperança para cada brasileiro que mora no Rio de Janeiro”, acrescentou Índio.

Histórico

Antônio Pedro de Siqueira Índio da Costa tem 45 anos, é casado e tem duas filhas. Eleito para seu primeiro mandato como deputado federal em 2006, foi o relator da Lei da Ficha Limpa. Participou da campanha presidencial de 2010, quando ainda era filiado ao Democratas (DEM), como candidato a vice-presidente na chapa de José Serra. Em 2011 fundou o diretório do Partido Social Democrático (PSD) no Estado do Rio de Janeiro, que preside até hoje.

Informações Partidárias

Notícias