Loading

Pesquisar

LAZER

Ourinhos (SP) inicia estudo para viabilizar espaços turísticos da cidade

Objetivo do prefeito Lucas Pocay, do PSD, é transformar o município em polo de turismo regional

08 de abr de 2022

Secretários visitaram parques da cidade para iniciar estudos técnicos

Redação: Scriptum com assessoria de imprensa da Prefeitura de Ourinhos

A Prefeitura de Ourinhos deu início a um estudo técnico para elaboração de projetos para viabilizar atrativos para diversos espaços turísticos da cidade. O objetivo do prefeito Lucas Pocay, do PSD, é cada vez mais oferecer opções de lazer e diversão para população e transformar o município em verdadeiro polo de turismo regional.

O secretário de Desenvolvimento Urbano, Mobilidade e Licenciamento, Fabiano Gomes Nogueira, o secretário-Adjunto de Serviços Urbanos, Mario Toloto, e o coordenador de projetos da empresa Guia Vertical, Maycon André Grilo, visitaram o recinto Olavo Ferreira de Sá, o Parque do Centenário Odayr Alves da Silva e o Parque Ecológico Tânia Mara. Durante a visita, os secretários, juntamente com o coordenador, realizaram diversos levantamentos de informações técnicas e debateram os melhores atrativos turísticos de aventura que podem ser implantados de acordo com a estrutura de cada localidade.

Entre os projetos em estudo, por exemplo, estão tirolesa e arvorismo.  O secretário-Adjunto Mario Toloto destacou que a visita técnica foi importante para dar o início à elaboração de projetos para oferecer turismo de aventura para a população de Ourinhos e região. “Esta visita foi importante para começarmos a trabalhar os conceitos de atrativos turísticos para instalar no Recinto da FAPI, no Lago do Centenário e no Parque Ecológico. Queremos oferecer mais opções de lazer para o povo de Ourinhos e da região”.

O coordenador de projetos da Guia Vertical, Maycon André Grilo, acredita que é possível Ourinhos investir no turismo de aventura e se tornar uma referência regional. “Estamos fazendo esse levantamento técnico, a viabilidade das atividades para apresentar um projeto de acordo com cada localidade. No Recinto da FAPI, por exemplo, vimos que é possível termos várias atividades e até mesmo um complexo de atividades turísticas. Sentimos que a cidade tem um planejamento, conta com ótimos espaços públicos e acredito que conseguiremos apresentar um bom projeto”.

Informações Partidárias

Notícias