Loading

Pesquisar

São Paulo

Prefeituras do PSD em SP endurecem medidas contra a covid

Gestão da prefeita de Valinhos, Capitã Lucimara (PSD), determinou a obrigatoriedade do uso de máscaras na rede municipal de ensino. Tupã e Limeira também reforçaram o combate à doença

01 de jun de 2022

A gestão do prefeito Caio Aoqui está trabalhando pela volta da obrigatoriedade do uso de máscaras

Redação Scriptum

Para evitar o aumento no número de casos de covid-19, gestões do PSD no interior do Estado de São Paulo voltaram a endurecer as medidas de combate à doença. Esse é o caso de Valinhos, município de 133 mil habitantes da Região Metropolitana de Campinas governado pela prefeita Capitã Lucimara. Nesta terça-feira (31) a prefeitura publicou a portaria 1.249, que obriga educadores e funcionários a utilizarem máscaras nas escolas da rede municipal. Em relação aos alunos, há somente uma recomendação para que usem o material de proteção.

Ainda segundo o documento, servidores que apresentarem dois ou mais sintomas de covid deverão comunicar aos seus chefes, que recomendarão, em documento formal, a realização de um teste na rede municipal de saúde. O funcionário que tiver contato com parentes que contraíram a doença poderá trabalhar em casa, desde que apresente o teste positivo para covid-19 feito pelo familiar.

Outra cidade que reforçou o pedido para que a população utilize máscaras é Limeira, que tem cerca de 310 mil habitantes. Em reunião com o Grupo Técnico de Prevenção e Enfrentamento ao Coronavírus promovida nesta quarta-feira (1), o prefeito Mario Botion decidiu que a administração vai recomendar o uso do item de proteção em ambientes fechados.

Apesar da orientação da prefeitura, o secretário municipal de Saúde, Vitor Santos, ressalta que Limeira não atravessa um período de alta transmissão e que o aumento no número de casos não resultou em mortes ou internações provocadas pela doença. “A recomendação do uso de máscaras em ambientes fechados é uma medida preventiva. Também vale reforçar a importância das vacinas contra a covid e contra a gripe como medidas efetivas”, afirma o secretário.

Tupã

Equipes da gestão do prefeito de Tupã, Caio Aoqui, iniciaram na segunda-feira (30) um trabalho de orientação no comércio e em escolas sobre o decreto 9.545. Entre as medidas estabelecidas pelo documento estão a volta da obrigatoriedade do uso de máscaras em todos os prédios e unidades públicas ou privadas da cidade.

Além disso, todos os estabelecimentos deverão disponibilizar álcool em gel para a higienização dos frequentadores. “É importante ressaltar que essas novas medidas foram adotadas na tentativa de evitar o aparecimento de mais casos de covid-19 no município. Também ressaltamos que a consciência e a responsabilidade de todos são muito importantes neste momento, visto que os novos casos registrados, em sua maioria, não necessitam de internações. Mas, ainda assim, essa é uma questão com a qual devemos nos preocupar”, disse o secretário municipal de Saúde, Miguel Ângelo de Marchi.

Casos

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Valinhos nesta terça-feira (31), a cidade já registrou 24.001 casos de covid-19 desde o início da pandemia. Desse total, 459 pacientes morreram em função da doença. Desde 2020, Limeira teve 57.795 ocorrências e 1.276 mortes. Em Tupã, foram 18.083 casos confirmados e 294 mortes.

Informações Partidárias

Notícias