Loading

Pesquisar

ENCONTRO

PSD Mulher orienta sobre curso de formação política

Em reunião virtual, núcleo feminino coordenado por Alda Marco Antonio esclareceu dúvidas de lideranças de todas as regiões do País sobre o projeto

29 de abr de 2022

Redação Scriptum
Para qualificar ainda mais as lideranças femininas que vão disputar as eleições deste ano, o PSD Mulher Nacional promove o Programa de Formação Política Eleitoral, desenvolvido em parceria com o Instituto Político Eleitoral (IPE). As inscrições podem ser feitas até o dia 31 de maio.

Na quarta-feira (27), o núcleo promoveu encontro on-line para esclarecer dúvidas de filiadas a respeito do curso e ressaltar a importância da iniciativa. Organizado pela coordenadora nacional do PSD Mulher, Alda Marco Antonio, o evento teve a mediação da secretária do PSD Mulher Nacional, Ivani Boscolo, e reuniu lideranças de todas as regiões do País. “O curso é essencial para as pré-candidatas e militantes do partido. Ele é direto, simples e atende a todas as necessidades da militância”, destaca Alda.

O evento contou, ainda, com as representantes do instituto Mayana Valli e Gladis Lúcia Maddalozzo, que participaram da elaboração dos conteúdos, além da advogada Flávia Calado, especialista em Direito Eleitoral pela PUC-Minas e uma das instrutoras do programa. “Um aspecto muito importante desse programa, algo que a gente observou com muito carinho, é o fato de que nós trabalhamos praticamente só com mulheres no projeto. Foi um compromisso que assumimos”, frisa Gladis.

Lançado em novembro do ano passado, o programa é composto por 23 cursos on-line, divididos em três temas. O tópico principal, Mulher na Política, fornece orientações sobre o processo de disputa de cargos eletivos, desde as convenções partidárias e o registro das candidaturas até as prestações de contas. Os outros dois temas, Hábitos Saudáveis e Olhar Feminino, são complementares e oferecem informações sobre empreendedorismo, violência contra mulher, assédio moral, prevenção contra álcool e drogas, entre outros assuntos. Todos os cursos conferem certificados às participantes.

Durante o encontro, a coordenadora do PSD Mulher em Rio Branco, capital do Acre, Rebeca de Paula, falou sobre a dificuldade de acesso à internet no Estado e apresentou uma sugestão. “Minha ideia é juntar um grupo de mulheres e levá-las para a sede do partido para entrarmos na plataforma e fazermos o curso juntas.”

Informações Partidárias

Notícias