Loading

Pesquisar

ESTADOS

Ratinho Junior inicia ação de proteção a mil nascentes

Como parte da celebração do Dia da Árvore, governador do Paraná lança a maior iniciativa já realizada em proteção de nascentes no País. Objetivo é preservar entre 30 mil e 35 mil minas d’água até 2026

19 de set de 2023 · ambiente, árvore do bem, Parana, Ratinho Junior

Ratinho Junior planta árvore que vai proteger nascente na região de Curitiba

Edição Scriptum com Agência Estadual de Notícias

Até o Dia da Árvore, comemorado na quinta-feira (21), o Paraná terá plantado árvores para proteger mil nascentes. Essa é a proposta da ação Mil Fontes, iniciada esta semana pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior (PSD) em uma propriedade rural da Região Metropolitana de Curitiba.

A ação faz parte do Programa Estadual de Proteção de Nascentes, com o objetivo de preservar entre 30 mil e 35 mil minas d’água até 2026, o que vai ajudar a estimular a produção de água e evitar problemas no abastecimento.

Ratinho Junior destacou que a iniciativa busca garantir a produção de água com qualidade e em quantidade. Ela também ocorre um dia depois do Paraná aderir ao Pacto pela Governança da Água, que é gerenciado pela Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA).

“É um projeto que olha para o futuro, para que as futuras gerações não passem pelo que passamos dois anos atrás, com a maior estiagem da história recente do Paraná. Além do racionamento, tivemos que bombear água de pedreiras e de furnas para que o desabastecimento não fosse maior. Por isso queremos trabalhar com planejamento e cuidado”, lembrou.

Além do abastecimento, a ação também contribui com os produtores rurais, que poderão ter água disponível para o consumo e para a irrigação. “O Paraná é um dos maiores produtores de alimentos e o Estado mais sustentável do Brasil, e agora também será referência na produção de água de qualidade”, ressaltou.  

Essa é a maior iniciativa já realizada em proteção de nascentes no Paraná e no Brasil, com a ação atendendo três fontes de cada município paranaense, explicou o secretário estadual da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara. “É uma atitude inteligente para construirmos o futuro. Queremos que as pessoas vivam bem, com água de qualidade, e que os processos agrícolas tenham sustentabilidade”, afirmou. “Este é só o início, queremos proteger cerca de 30 mil minas d’água até 2026 e continuar avançando na conservação da água, que é um grande patrimônio natural”.

Informações Partidárias

Notícias