Loading

Pesquisar

Uma história de luta em defesa dos trabalhadores

Líder sindical participou com Gilberto Kassab de dezenas de eventos organizados nos Estados pelo PSD Movimentos.

02 de maio de 2013 · história, José Ibrahim, Kassab, PSD

Ao lado de Kassab, o sindicalista participou de dezenas de eventos organizados nos Estados pelo PSD Movimentos.

Considerado um herói do movimento trabalhista no Brasil, José Ibrahim iniciou sua atividade política ainda na adolescência e, em 1968, com apenas 21 anos, liderou uma das primeiras greves operárias do período da ditadura militar (1964-1985),em Osasco (SP).

Funcionário da indústria metalúrgica Cobrasma, ele havia sido eleito para a direção do sindicato na cidade. O movimento grevista atingiu as maiores empresas da região e foi reprimido pelo governo, que declarou a greve ilegal e determinou a intervenção no sindicato, além de enviar tropas que passaram a controlar as saídas de Osasco (SP), cercar e invadir as fábricas paralisadas para retirada dos grevistas.

Muitos sindicalistas foram presos, a diretoria do sindicato foi cassada e Ibrahim foi demitido sem direitos. A partir daí, passou a viver na clandestinidade e entrou para a luta armada, na Vanguarda Popular Revolucionária (VPR).

Partida para o exílio: ao lado de outros presos políticos, ele foi banido e ficou 10 anos fora do País.

Algum tempo depois ele foi preso, torturado e, mais tarde, integrou o grupo de 15 presos políticos trocados pelo embaixador norte-americano Charles Burke Elbrick, em setembro de 1969. A partir daí, viveu 10 anos no exílio. Em 1980, voltou ao País e participou da fundação do PT, mas rompeu com o partido em 1986.

Em setembro de 2011, a convite do presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, Ibrahim filiou-se ao PSD nos primeiro momentos de vida do partido. Ele integrava o grupo de dirigentes sindicais que uniu-se ao PSD, acompanhando o presidente da União Geral dos Trabalhadores – UGT, Ricardo Patah.

Esse grupo passou a trabalhar pela criação e estruturação nacional do PSD Movimentos – o setor do PSD encarregado de articular,em todo o Brasil, a atuação de lideranças dos movimentos sociais. José Ibrahim logo tornou-se um dos coordenadores nacionais da área.

Por conta desse trabalho, o líder sindical participou com Gilberto Kassab de dezenas de eventos organizados nos Estados pelo PSD Movimentos. O mais recente deles ocorreu em Rondônia, onde Ibrahim passou alguns dias organizando o PSD Movimentos local e acompanhando Kassab em eventos e contatos partidários realizados em Porto Velho e Ouro Preto do Oeste. No sábado passado, o último encontro: Ibrahim e Patah foram à casa de Kassab para uma reunião informal, em que receberam simbolicamente as chaves da nova sede do PSD Movimentos. 

Informações Partidárias

Notícias