Loading

Pesquisar

MUNICÍPIOS

Carnaval de BH terá recorde de cortejos nas ruas

A gestão do prefeito Fuad Noman (PSD) está investindo R$35 milhões na folia. "Nós apresentamos a infraestrutura do Carnaval, mas quem faz o carnaval é o povo”, explica ele

22 de jan de 2024

O prefeito Fuad Noman com a corte do Rei Momo: gestão está investindo R$35 milhões na folia

Edição Scriptum com Prefeitura de BH

Já no sábado (27), o Carnaval de Belo Horizonte vai tomar conta das ruas da capital mineira. Até o dia 18 de fevereiro, a maior festa de rua de Minas Gerais tomará novamente a cidade com muita alegria, cores e diversidade. A folia belo-horizontina contará com uma programação extensa e descentralizada, com mais de 500 cortejos, recorde em comparação aos outros anos, saindo pelas nove regionais do município. A gestão do prefeito Fuad Noman (PSD) está investindo R$35 milhões na folia.

Uma grande novidade para esta edição será o local do Palco Oficial da folia. Diante da impossibilidade da utilização da Praça da Estação, que está passando por obras de revitalização dentro do programa Centro de Todo Mundo, o palco de shows do Carnaval será montado no Parque Municipal Américo Renné Giannetti, icônico espaço de lazer da capital mineira. No local será realizado o Kandandu, encontro de blocos afro que tradicionalmente abre a folia na cidade, nos dias 9 e 10 de fevereiro.

“Nós apresentamos a infraestrutura do Carnaval, mas quem faz o carnaval é o povo. São os blocos de rua, os blocos caricatos, a Corte Momesca e os foliões. A Prefeitura tem a obrigação de preparar a cidade: segurança, limpeza, transporte, saúde. Estou muito feliz com a preparação e espero que tenhamos um carnaval bastante organizado”, afirmou o prefeito Fuad Noman.

Além da valorização da cultura e do entretenimento, o Carnaval de Belo Horizonte vem se tornando um importante produto que gera renda, oportunidades de emprego e negócios, movimentando principalmente os segmentos de alimentação, transporte, comércio, hotelaria e hospedagem. A projeção é que o evento contribua na geração de mais de 20 mil empregos diretos e indiretos, com a expectativa de movimentação financeira na cidade no período oficial da folia de R$ 1 bilhão, segundo estimativa da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

“A cidade está preparada para mais uma festa, que cresce a cada ano em todos índices. Agradeço ao prefeito Fuad Noman por acreditar na potência da nossa folia como uma importante manifestação cultural e uma ferramenta de fomento econômico, gerando emprego e renda para a cidade. Estamos realizando um trabalho integrado, com cerca de 30 cerca de 30 órgãos municipais, estaduais e privados, para que seja apresentado aos foliões um Carnaval seguro, respeitoso, diverso e plural”, afirma Gilberto Castro, presidente da Belotur.

O Carnaval de Belo Horizonte é um dos principais produtos turísticos da cidade. Entendido como movimento espontâneo, o evento tem sido qualificado com o apoio da Prefeitura de Belo Horizonte, garantido a sua organização, segurança e acesso da população, turistas e visitantes. Com planejamento antecipado para melhor estruturação da festa, a Belotur vem realizando diversas ações de fomento ao evento desde o ano passado.

Informações Partidárias

Notícias