Loading

Pesquisar

VIOLÊNCIA

Nelsinho vai relatar apuração de crimes na Amazônia

Senado criou colegiado para acompanhar investigações sobre as mortes de Dom Phillips e Bruno Pereira. O senador do PSD-MS, Nelsinho Trad, foi eleito relator por aclamação

21 de jun de 2022

Redação Scriptum com A Crítica de Campo Grande

O senador Nelsinho Trad (PSD-MS) foi eleito, por aclamação, para ser o relator da Comissão Temporária Externa Norte do Senado, criada para acompanhar as investigações das mortes do jornalista Dom Phillips e do indigenista Bruno Pereira. O colegiado foi instalado na manhã de terça-feira (21) e já definiu seu plano de trabalho. Os parlamentares também escolheram Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e Fabiano Contarato (PT-ES) para presidência e vice-presidência.

De acordo com Nelsinho Trad, a comissão tem também como objetivo apurar as causas do aumento da criminalidade e de atentados contra povos indígenas, quilombolas, ribeirinhos e jornalistas na Amazônia. “Com vistas a garantir uma melhor atuação do poder público na região, fiscalizar as providências adotadas diante dos crimes recentes, apoiando a investigação e a sua possível relação com o esquema de pesca ilegal e narcotráfico”, explicou.

O parlamentar sul-mato-grossense também cobrou agilidade para o início das audiências no Senado. Ficou definido que a comissão vai ouvir as lideranças indígenas da Univaja (União dos Povos Indígenas do Vale do Javari), o ministro da Justiça e o diretor da Polícia Federal já na próxima quarta-feira (22).

“Enquanto presidente do Parlamaz (Parlamento Amazônico), trago as demandas dos parlamentares de oito países amazônicos que cobram esclarecimentos, assim como toda a sociedade. Queremos respostas”, afirmou o senador.

Informações Partidárias

Notícias