Loading

Pesquisar

SEGURANÇA

Paes diz ser contra intervenção federal no Rio

Prefeito do PSD disse que medida não era necessária, mas defendeu parcerias com o governo federal para o combate à criminalidade na capital fluminense

25 de out de 2023

Eduardo Paes: “O governo federal precisa oferecer parceria e, na minha opinião, essencialmente uma parceria com as forças da Polícia Federal”

Redação Scriptum com Estadão

Em coletiva de imprensa realizada nesta quarta-feira (24), o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), disse não ver necessidade de intervenção federal para conter a onda de violência na capital fluminense. Entretanto, ele se mostrou favorável à realização de parcerias com o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. “O governo federal precisa oferecer parceria e, na minha opinião, essencialmente uma parceria com as forças da Polícia Federal, muita inteligência, muito controle sobre agentes públicos, políticos e policiais que têm desvio de conduta”, afirmou Paes.

Nesta terça-feira (24), Lula afirmou que pedirá para as Forças Armadas reforçarem o trabalho em portos e aeroportos para o combate ao crime organizado e ao tráfico de armas no Rio de Janeiro. Paes ressaltou que sua atuação como prefeito no debate da segurança pública é limitada, mas que irá agir em parceria com o governador do Estado, Cláudio Castro. “Acho muito importante essa parceria com o governo federal. Nós precisamos entender que a situação no Rio é muito grave e não podemos minimizar o que está acontecendo. Não dá para fazer uma ação aqui, outra acolá. E, principalmente, não pode politizar as forças de segurança pública. A gente precisa de muita Polícia Federal ajudando a polícia do Rio.”

Na segunda-feira (23), ao menos 35 ônibus, além de carros de passeio e um trem foram incendiados em nove bairros da zona Oeste do Rio de Janeiro. Segundo a Polícia Civil, os ataques foram praticados por um grupo de milicianos e em represália à morte do vice-líder da quadrilha, ocorrida horas antes, durante confronto com policiais civis em uma favela do bairro Santa Cruz.

Informações Partidárias

Notícias