Loading

Pesquisar

ELEIÇÕES 2022

Pernambuco: André de Paula foca em agenda no interior

O pré-candidato do PSD a senador por Pernambuco tem visitado municípios de todo o Estado para levar aos moradores as propostas de seu plano de trabalho e ouvir demandas das pessoas

04 de jul de 2022

Os pré-candidatos André de Paula e Marília Arraes

Redação Scriptum

O pré-candidato do PSD ao cargo de senador por Pernambuco, André de Paula, tem visitado municípios de todo o interior do Estado para levar aos moradores as propostas de seu plano de trabalho e ouvir demandas das pessoas. Nessas viagens, André de Paula tem sempre a companhia da pré-candidata a governadora, Marília Arraes (Solidariedade). Entre outras, eles estiveram nos últimos dias nas cidades de Santa Cruz do Capibaribe, Bezerros e Araripina.

Ao falar sobre o que pretende fazer caso seja eleito, André de Paula afirmou que será o senador que ajudará o ex-presidente e pré-candidato à Presidência, Lula (PT) a dar andamento a projetos de importância na área social. “Sou o senador do emprego, sou o senador que vai ajudar o presidente Lula a retomar projetos importantes no campo social. Olho com muito acanhamento e vergonha de ver o meu país voltar ao mapa da fome. Saber que em um país tão rico mais de 30 milhões de pessoas passam fome diariamente”, disse.

Além disso, ele tem reforçado seu apoio à pré-candidatura de Marília Arraes. “Tenho muita motivação de estar ao lado de um projeto que eu acredito: fazer a primeira mulher pernambucana governadora. Tenho feito dos compromissos de Marília os meus compromissos e eu vou para o Senado ser o ‘braço forte’ dela em Brasília. Ela vai precisar de um senador para transformar em realidade os sonhos dos pernambucanos e eu sou esse senador”, disse o pré-candidato.

Chuvas

André de Paula também manifestou sua solidariedade às famílias pernambucanas atingidas pelas fortes chuvas que vêm sendo registradas no Estado. “Quero me solidarizar com os moradores das cidades das regiões do Agreste e Mata Sul de Pernambuco, atingidas pelas fortes chuvas dos últimos dois dias. Já são 18 os municípios mais afetados, de acordo com a Defesa Civil”, disse.

Segundo ele, até o momento não houve mortes, “mas já há dezenas de famílias desalojadas. Ruas ficaram alagadas e o comércio não abriu neste sábado, por causa da enchente. O momento é de união e mobilização pelo povo de Pernambuco. Desde os primeiros momentos já estou em contato com Brasília, com o Governo do Estado e com os municípios atingidos para propor medidas emergenciais, acompanhar os desdobramentos do que for anunciado e garantir a chegada dos recursos que vão ajudar Pernambuco a atravessar mais esse momento de tragédia”, concluiu.

Informações Partidárias

Notícias