Loading

Pesquisar

CONGRESSO

Deputadas defendem empoderamento da mulher no Brasil

Luísa Canziani e Leandre Dal Ponte, do Paraná, estiveram com Gilberto Kassab no Dia Internacional da Mulher e apresentaram propostas a serem encabeçadas pelo PSD

09 de mar de 2022

Leandre Dal Ponte (à esq) e Luísa Canziani se reuniram com o presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab

Redação Scriptum

O presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, esteve na terça-feira (8), Dia Internacional das Mulheres, com as deputadas federais Luísa Canziani e Leandre Dal Ponte, ambas do Paraná. Elas apresentaram um conjunto de propostas, para serem desenvolvidas pelo PSD, em defesa do fortalecimento e empoderamento das mulheres no Brasil. Luísa Canziani se filiou ao PSD em novembro do ano passado, em ato realizado no interior do Paraná com a presença do governador Carlos Massa Ratinho Junior (PSD) e de Gilberto Kassab, entre outras lideranças. A deputada Leandre Dal Ponte vai se filiar ao partido no sábado (12), em evento que reunirá lideranças partidárias em Curitiba.

As parlamentares paraenses vêm se destacando na Câmara na defesa de pautas ligadas à causa das mulheres no Brasil. Esta semana, por exemplo, a Câmara aprovou projeto de autoria da deputada Leandre que condiciona o acesso a recursos federais relacionados à segurança pública e aos direitos humanos à elaboração, por Estados e municípios, de um plano de metas para o enfrentamento da violência doméstica e familiar contra a mulher. A proposta irá ao Senado.

Segundo o texto, o plano de metas será decenal e com atualização obrigatória a cada dois anos a fim de monitorar a execução e os resultados das ações. A deputada Leandre disse que a aprovação do projeto “é um passo que a Câmara dá para que as mulheres também participem mais da política ao enfrentar a violência contra a mulher”.

Além do plano de metas, os entes federados terão de criar uma rede estadual de enfrentamento da violência contra a mulher e uma rede de atendimento às vítimas. Essas redes serão compostas pelos órgãos públicos de segurança, saúde, justiça, assistência social, educação e direitos humanos e por organizações da sociedade civil.

A deputada Luísa Canziani, por sua vez, além das pautas relacionadas à causa feminina, tem atuação destacada também na área de legislação digital. Presidente da Frente Parlamentar Mista da Economia e Cidadania Digital, a deputada Luísa Canziani diz que uma das agendas prioritárias do colegiado é garantir a aprovação também no Senado do Marco Legal de Inteligência Artificial, aprovado na Câmara no final de setembro.

Segundo ela, “na inovação, não podemos tirar os olhos do futuro. Vamos defender com unhas e dentes os novos modelos de negócios. Vamos lutar pela aprovação do Marco de IA no Senado. Vamos lutar por um governo digital. Por menos regras restritivas”, disse a parlamentar.

Além disso, a presidente da Frente Digital afirmou que é preciso garantir o máximo de liberdade de expressão, respeitando ao mesmo tempo o direito das redes sociais de definirem seus próprios modelos de negócio e a segurança do usuário. “Esse assunto é complexo e não vamos permitir que ele avance sem um trabalho a várias mãos e aprofundado”, afirmou.

O fomento e incentivo a startups também está na agenda da Frente. Segundo Canziani, é preciso garantir que plataformas disruptivas viabilizem serviços e preços mais acessíveis aos usuários e ao mesmo tempo garantam a inclusão dos profissionais de aplicativos na segurança social.

Informações Partidárias

Notícias