Loading

Pesquisar

SENADO

Educação: Omar Aziz defende apuração de denúncias

Senador do PSD do Amazonas quer que o Parlamento apure as denúncias sobre tráfico de influência no Ministério da Educação. “Os porões do governo estão podres”

23 de mar de 2022

O senador Omar Aziz: “A educação é um setor que a gente não aceita de forma alguma que se direcionem recursos para se tirar proveito”

Redação Scriptum com Agência Senado

O Senado precisa apurar as denúncias de que o ministro da Educação, Milton Ribeiro, a mando do presidente Jair Bolsonaro, destina dinheiro público para prefeituras indicadas por dois pastores sem qualquer cargo no governo. O pedido foi feito pelo senador Omar Aziz (PSD-AM), na terça-feira (22), em pronunciamento no Senado.

Para ele, conforme mostram as notícias publicadas nos jornais O Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo, o governo tem um discurso de honestidade que é hipócrita, uma vez que “os porões de dentro do governo estão podres”. Ele também cobrou esclarecimentos sobre o caso do presidente do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE), Marcelo Lopes.

Em sua opinião, “a educação, para todos nós brasileiros, é um setor que a gente não aceita de forma alguma que se direcionem recursos para se tirar proveito. Você vê professores ganhando mal, você o governo não dando reajuste aos professores, você vê o governo não tendo uma política educacional, mas vê a facilidade com que alguns estão tendo esse tipo de benesse dentro do governo federal. Não é a primeira vez, volto a repetir. Amigos do rei, amigos da rainha já entraram pela porta do ministério da Saúde, falando em nome deles, para vender 400 milhões de vacinas, enquanto brasileiros morriam por falta de vacinas”.

Informações Partidárias

Notícias