Loading

Pesquisar

CÂMARA

Maranhão é Zona Livre de Aftosa Sem Vacinação

O deputado Josivaldo JP (PSD-MA) comemorou a suspensão da vacinação contra a doença no Estado, por estar totalmente livre do vírus. “Vamos atrair mais investimentos com as novas exportações”

30 de nov de 2023

O deputado Josivaldo JP: Maranhão terá mais condições de atender os mercados de carne mais exigentes do mundo

Edição Scriptum com site da Liderança do PSD

O deputado Josivaldo JP (PSD-MA) comemorou a decisão do Programa Nacional de Vigilância para a Febre Aftosa (PNEFA) que aprovou a suspensão da vacinação contra a doença no Maranhão. Isso significa que o Estado está totalmente livre da febre aftosa e não necessita de imunização para o controle da enfermidade, o que reafirma a baixa possibilidade de transmissão do vírus.

A notícia foi recebida com entusiasmo por produtores rurais e profissionais do agronegócio, já que o programa de controle da doença é usado pelo mercado internacional como referência sanitária para o comércio de carne bovina.

Josivaldo explica que, com a medida, o Maranhão terá mais condições de atender os mercados de carne mais exigentes do mundo. “A evolução do status da febre aftosa no Brasil é fundamental para aumentar a participação dos produtores maranhenses no comércio internacional. Com o reconhecimento do Estado livre da doença, vamos atrair ainda mais investimentos devido à abertura de novas exportações”, disse.

A febre aftosa é uma doença infecciosa aguda, causada por vírus. É uma das doenças infecciosas mais contagiosas entre os animais, podendo acometer rapidamente criações inteiras. A vacinação dos bovinos é a principal forma de prevenção da enfermidade.

Josivaldo JP ressaltou a dedicação do Ministro da Agricultura e Pecuária, o senador do PSD licenciado Carlos Fávaro, no compromisso de consolidar o Brasil livre de aftosa, em especial, o Maranhão.

“O ministro Fávaro tem se empenhado no enfrentamento da doença e temos testemunhado esta dedicação em todo território nacional. No nosso Estado, tivemos a atenção do ministro e conseguimos essa grande conquista que, certamente, renderá frutos muito positivos para toda população brasileira, que terá ainda mais certeza que a carne que chega à mesa tem alta qualidade”, afirma Josivaldo.

Calendário

De acordo com a Superintendência Federal de Agricultura e Pecuária do Maranhão, ainda existe uma imunização a ser cumprida antes da suspensão total. Essa última vacinação está programada para acontecer em abril de 2024.

Para o órgão, a conquista é um reconhecimento do esforço de muitos setores, como os produtores maranhenses, os gestores da PNEFA, a Associação dos Criadores do Estado do Maranhão, a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão, a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Maranhão, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Maranhão e o Fundo de Desenvolvimento da Pecuária do Estado do Maranhão.

Informações Partidárias

Notícias