Loading

Pesquisar

ESTADOS

Paraná gerou empregos para 154 mil trabalhadores

Número de vagas preenchidas pela Rede Sine em 2023 foi o melhor da história do Estado. Além disso, a gestão Ratinho Junior (PSD) abriu mais de 11 mil oportunidades em cursos de qualificação

17 de jan de 2024

Nas Agências do Trabalhador, paranaenses também podem se inscrever em cursos gratuitos de qualificação profissional, atualizar currículos, além de adquirir microcrédito

Edição Scriptum com Agência Estadual de Notícias

Os esforços e investimentos que a gestão do governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior (PSD), vem fazendo para turbinar o desenvolvimento econômico do Estado tiveram mais uma comprovação de sucesso. O Paraná fechou 2023 com o melhor desempenho do País no número de trabalhadores colocados no mercado formal de trabalho pela Rede Sine, que congrega as Agências do Trabalhador de todo o País: 154.584 paranaenses conseguiram emprego com carteira assinada no ano passado, o que representa 35% dos 515.181 trabalhadores encaminhados a vagas em todo o Brasil e 78% das 198.065 colocação dos três Estados da região Sul.

O resultado também representa o melhor desempenho do Paraná na história recente. O recorde anterior tinha sido de 122.083 vagas em 2022, o que representa um avanço de 27% no ano passado. Em sete anos da última década o Estado ultrapassou a marca de 100 mil empregos, colaborando para a redução da taxa de desemprego, que está no menor patamar da história recente.

São Paulo, que registrou 53.667 encaixes pela Rede Sine, aparece em segundo, seguido do Ceará, que encerrou o ano com 51.446 novos empregos, e o Rio Grande do Sul, com 33.313. Na região Sul, Santa Catarina encerrou o ano na décima posição no ranking nacional, com 9.954 pessoas encaixadas em vagas de emprego nesse sistema.

O secretário estadual do Trabalho, Qualificação e Renda, Mauro Moraes, destaca que em 2023 a Pasta promoveu 27 mutirões de emprego na Capital, dirigidos a grupos específicos de trabalhadores. Também foram realizadas ações de empregabilidade em diversas regiões do Estado. “Com o crescimento econômico do Paraná, que resultou na abertura de muitas vagas de emprego, a nossa Secretaria, criada em janeiro de 2023, intensificou o trabalho nas Agências do Trabalhador para a disponibilização do maior número possível de vagas”, diz.

“Os resultados obtidos na área do trabalho confirmam que o Paraná vive atualmente o pleno emprego, com muitas oportunidades para trabalhadoras e trabalhadores. Paralelamente à criação de vagas, abrimos mais de 11 mil oportunidades em cursos gratuitos de qualificação, permitindo a um número significativo de pessoas pudessem obter formação profissional adequada nas áreas em que há maior oferta de emprego, como a indústria e o comércio”, enfatiza.

Nas Agências do Trabalhador, além da possibilidade de inclusão formal no mercado de trabalho, os paranaenses também podem se inscrever em cursos gratuitos de qualificação profissional, atualizar currículos, deixar os nomes em bancos de reserva de vagas, além de adquirir microcrédito, numa ação executada em parceria com a Fomento Paraná, incentivando o empreendedorismo regional.

Informações Partidárias

Notícias