ELEIÇÕES 2018

Belivaldo apresenta seu programa de governo a advogados

O candidato do PSD à reeleição para o Governo de Sergipe participou de sabatina promovida pela OAB e disse que buscará sanear as finanças estaduais e gerar empregos para a população

14/09/2018

FacebookWhatsAppTwitter

Belivaldo apresentou suas ideias em sabatina realizada pela seção sergipana da OAB com todos os candidatos a governador.

 

Sanear as finanças públicas, modernizando a máquina administrativa, e buscar eficiência na gestão para que o Estado volte a gerar emprego. Esses serão os eixos da gestão do governador de Sergipe, Belivaldo Chagas (PSD), caso tenha sucesso em sua campanha de reeleição ao governo estadual. Ele apresentou a ideia nesta quinta-feira (13) em uma sabatina realizada pela seção sergipana da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) com todos os candidatos a governador.

O evento foi conduzido pelo presidente da Ordem, Inácio José Krauss de Menezes. Durante 15 minutos, conforme a regra dos encontros, o candidato à reeleição expôs seu programa de governo e em seguida respondeu às perguntas elaboradas pelas Comissões Temáticas.

Antes de falar sobre o plano, Belivaldo prestou solidariedade à advogada Valéria dos Santos, pelo constrangimento sofrido durante audiência no Rio. Logo após, parabenizou a OAB por ouvir os candidatos sobre suas propostas para governar o Estado pelos próximos quatro anos.

Para Belivaldo, que era vice-governador e assumiu a gestão do Estado em maio passado, “não adianta apresentar para sociedade um programa de governo que não tenha condições de ser executado. Por isso, pensamos em eixos que pudéssemos primeiro sanear as finanças públicas modernizando a máquina administrativa e buscando eficiência na gestão para voltarmos a gerar emprego”.

Sobre políticas públicas de ressocialização para adolescentes envolvidos em crimes, Belivaldo Chagas afirmou que “é necessário desenvolver um trabalho conjunto entre Governo do Estado e município para executar ações direcionadas à cultura, ao esporte e ao lazer, garantindo que os jovens se sintam seguros para o amanhã”.

Na questão da segurança pública, o governador explicou aos advogados que o combate ao crime precisa funcionar de forma integrada e articulada entre os governos federal, estadual e municipais, destacando que cada ente federativo cumpra, de fato, com suas responsabilidades legais, “pois não adianta apenas o Governo do Estado faz a sua parte de o sistema, como um todo, não estiver integrado”.

Como proposta para a área da saúde em sua próxima gestão, o candidato destacou ações de sua gestão, como o Hospital de Cirurgia, que recebeu um aporte superior a R$8 milhões para reequilibrar o setor financeiro e voltou a realizar cirurgias cardíacas, vasculares, neurológicas e urológicas. “Esta semana, o Centro de Oncologia do Huse passou a funcionar o terceiro turno na radioterapia a fim de absorver os pacientes que são assistidos. Ao abrir este terceiro turno, a gestão atual demonstra o empenho em garantir a continuidade do tratamento dos pacientes com câncer”, disse o governador, ao concluir de que a saúde pública tem sido prioridade desde quando assumiu o Governo.

FacebookWhatsAppTwitter

  0 Comentários

FacebookWhatsAppTwitter