ARTIGO

Andrea Matarazzo: um passeio por São Paulo

O ex-ministro e ex-secretário municipal traz, na data de aniversário da Capital, um interessante e educativo passeio fotográfico pela metrópole que ele conhece tão bem

24/01/2022

FacebookWhatsAppTwitter

 

Avenida Paulista, um dos principais cartões postais da cidade

 

Em um trabalho feito para o PSD e para o jornal “A Quadra”, Andrea Matarazzo comemora neste 25 de janeiro o aniversário da cidade de São Paulo com um interessante e educativo passeio fotográfico pela metrópole que ele conhece tão bem e ajudou o PSD a administrar durante os anos das gestões José Serra (2005-2006) e Gilberto Kassab (2006-2012). Este é seu relato:

 

Falar de São Paulo é para mim sempre um enorme prazer, pois me traz as imagens de vários lugares que conheço, inclusive as lembranças de pessoas que moram por lá. Como estamos comemorando o aniversário da cidade, vou citar e comentar coisas boas e interessantes desta enorme cidade, que vale a pena conhecer. Os problemas são imensos e poderiam ser resolvidos ou ao menos atenuados, mas isso fica para outro momento.

A diversidade da nossa cidade é proveniente, sem dúvidas, da imensa quantidade de imigrantes e migrantes que para cá vieram. Ninguém veio a São Paulo em busca de qualidade de vida e sim em busca de uma nova vida. Quem veio trouxe junto, em muitos casos, a família e em todos os casos a cultura de sua cidade de origem. Por isso São Paulo é tão eclética e diversificada. Fiz aqui um painel de alguns lugares interessantes. Vamos começar o passeio.

No extremo sul da cidade está Parelheiros, região onde encontramos tabas de índios guaranis e também a chamada Cratera de Colônia, com seus 4 km de diâmetro, resultado da queda de um grande meteorito. O centro de Parelheiros nos remete a uma simpática cidade de interior.

 

 

Indo mais a oeste, entre Butantan e Osasco, estão as belezas do campo de golfe do São Francisco Golf Club, que ancorou os loteamentos feitos por minhas primas, que deram origem aos bairros Parque dos Príncipes, Colina do São Francisco e Rio Pequeno, entre outros.

 

 

Indo para a região central vale a pena assistir a uma missa na Capela de Santa Luzia , que foi reaberta dentro da Cidade Matarazzo que ficou no lugar do antigo Hospital Matarazzo.

 

 

De lá eu iria para o centro novo e subiria ao topo do Edifício Itália para comer no restaurante Terraço Itália e ver de lá a espetacular vista de 360 graus da cidade.

 

 

Depois daria um giro pelo centro, passando pela sede da Prefeitura Municipal, que fica no lindíssimo edifício Matarazzo, obra do grande arquiteto Marcelo Piacentini. O edifício é todo feito em mármore travertino importado da Itália. Foi inaugurado em 1937 .

 

 

Vamos em direção à Zona Leste, até Itaquera, visitar o Parque do Carmo, feito pelo ex-prefeito Olavo Setúbal nos anos 70. Existem lá 3.000 cerejeiras plantadas pela comunidade japonesa, que oferecem um visual deslumbrante na sua florada. Eis a antiga sede da fazenda de Oscar Americano, que é onde hoje fica o parque.

 

 

Não deixe de passar no centro de Itaquera e ver a praça central com a igreja Nossa Senhora do Carmo, uma graça de lugar.

 

 

E já que estamos na Zona Leste, vamos até São Miguel Paulista visitar a Capela de São Miguel, a primeira de São Paulo.

 

 

Na volta vamos passar no Parque do Piqueri (foto 8), no Tatuapé, que vale a pena conhecer. Lá, até a década de 80, eram criados búfalos.

 

Em seguida podemos passar pela igreja da Paz, no Glicério. Com projeto e afrescos de Fulvio Pennacchi, ela é conhecida como a Igreja dos imigrantes.

 

E para não dizer que não estivemos no Parque Ibirapuera, que foi inaugurado para o IV Centenário de São Paulo, vamos ao Museu de Arte Contemporânea, fundado por Ciccillo Matarazzo com 700 obras de seu acervo pessoal. O MAC tem Picasso, Modigliani e Marino Marini, entre vários outros, e é hoje o melhor museu de arte moderna da América Latona. Quando eu era Secretário estadual de Cultura, restauramos o prédio do DETRAN que, agora, é a sede do Museu de Arte Contemporânea.

 

 

E aqui termina este nosso pequeno passeio por esta cidade incrível. Parabéns São Paulo!

 

FacebookWhatsAppTwitter

  0 Comentários

FacebookWhatsAppTwitter