MUNICÍPIOS

Itapira (SP) inaugura centro de hemodiálise municipal

Prefeito do PSD cumpre compromisso assumido na campanha eleitoral e beneficia pacientes com doenças renais; moradores precisavam sair da cidade para fazerem o procedimento

07/02/2024

FacebookWhatsAppTwitter

O prefeito Toninho Bellini (centro) inaugura unidade, que recebeu R$ 3,3 em investimentos

 

Redação Scriptum com Prefeitura de Itapira

 

Cumprindo um compromisso assumido na campanha eleitoral, o prefeito Toninho Bellini (PSD) inaugurou o Centro de Hemodiálise de Itapira, que integra a rede do Sistema Único de Saúde (SUS). O serviço vai beneficiar pacientes com doenças renais que moram no município do interior do Estado de São Paulo, mas precisavam se deslocar três vezes por semana até a cidade vizinha de Mogi Mirim para realizar o procedimento. As obras de reforma do prédio do centro foram iniciadas em 2022, no mesmo período em que ocorreu a tramitação para a contratação de serviços específicos e a aquisição de materiais e equipamentos. Ao todo, a prefeitura investiu cerca de R$ 3,3 milhões na unidade, entregue à população na sexta-feira (2). “Hoje é um momento de muita alegria e emoção. Quando assumi este terceiro mandato, infelizmente esse projeto teve que ficar na gaveta ao longo de 2021 e meados de 2022, em razão do pior momento da pandemia de Covid-19 que enfrentamos”, lembrou Bellini na cerimônia de inauguração do centro.

O prefeito destacou, ainda, que a realização da obra foi a concretização de um sonho pessoal. “O hospital serve àqueles que mais precisam, que estão sofrendo e necessitando recuperar sua saúde. Muito obrigado a todos que colaboraram para essa grande realização.”

Um dos momentos marcantes da inauguração foi o depoimento do paciente Reinaldo Lima. “Semanalmente, a gente tem que ir três vezes para Mogi Mirim. Preciso levantar às quatro horas da manhã, me preparar, tomar meu café e esperar a van que passa na minha casa por volta de 5h15. Minha hemodiálise começa às 6h e termina por volta de dez, dez e meia. Fazer esse tratamento aqui na cidade vai ser muito diferente, porque estaremos praticamente dentro da nossa casa”, disse Reinaldo.

Estrutura

O Centro de Hemodiálise de Itapira conta com 14 máquinas de última geração. Desse total, nove foram adquiridas com recursos da prefeitura. O Laboratório Cristália doou cinco desses equipamentos, além de cinco poltronas específicas para as sessões. A empresa Consult doou quatro poltronas. A administração municipal também recebeu recursos para a obra por meio de emendas parlamentares.

A equipe de profissionais que trabalham na unidade é composta por médico nefrologista, enfermeiros, técnicos de enfermagem, psicólogo, assistente social, auxiliares de serviços gerais, recepcionistas e nutricionista. Os procedimentos serão feitos de segunda a sábado, das 6h às 18h, e o local tem capacidade para atender até 72 pacientes.

FacebookWhatsAppTwitter

  0 Comentários

FacebookWhatsAppTwitter