MUNICÍPIOS

Rio terá inteligência artificial em centros de inclusão

Gestão do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), assinou acordo com a OpenAI para levar a ferramenta a centros de inclusão social e acelerar o processo de inovação na cidade

02/04/2024

FacebookWhatsAppTwitter

O evento foi realizado na Nave do Conhecimento de Nova Brasília, no Complexo do Alemão

 

Edição Scriptum com Prefeitura do Rio

 

“Queremos fazer do Rio a capital da inovação”. A afirmação é do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), cuja gestão assinou na segunda-feira (1) um acordo de cooperação inédito com a OpenAI para fornecer o sistema de inteligência artificial generativa ChatGPT-4 para as Naves do Conhecimento.

As Naves do Conhecimento são centros de inovação e inclusão digital, que oferecem acesso gratuito à internet, oficinas, palestras, workshops e cursos de qualificação em várias áreas voltadas para profissões do futuro. As nove unidades estão localizadas nas zonas Norte e Oeste da cidade do Rio e visam potencializar a experiência digital beneficiando principalmente os moradores das comunidades localizadas em territórios de vulnerabilidade social. Desde dezembro de 2021, as Naves já tiveram mais de 500 mil acessos de usuários nas nove unidades. A ferramenta também terá acesso gratuito nas Naves Satélites e Navezinhas Cariocas.

O acordo com a OpenAI foi assinado pela Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia e o evento contou com a presença da secretária municipal de Ciência e Tecnologia, Tatiana Roque, e do chefe de Política Internacional e Parcerias da OpenAI, James Hairston.

Para o prefeito carioca, a iniciativa é mais um passo para tornar o Rio a capital da inovação. “As tecnologias de inteligência artificial têm o potencial de produzir mudanças profundas no mundo. Promover a inclusão digital e garantir que os mais vulneráveis tenham acesso a essas ferramentas é essencial para que esse mundo do futuro seja mais justo e igualitário”, afirmou Eduardo Paes.

A secretária de Ciência e Tecnologia lembrou que “é fundamental garantir que os alunos e frequentadores das Naves tenham acesso à inteligência artificial. Muitos não teriam a possibilidade de utilizar essa ferramenta, uma vez que ela é paga. O acesso gratuito promove inclusão e igualdade. Queremos formar profissionais qualificados em diversas áreas da cidade do Rio, principalmente das localidades mais vulneráveis, para que sejam capazes de lidar com essa tecnologia essencial para moldar o futuro”.

Modelo

O GPT-4, Generative Pre-trained Transformer 4, é um modelo de linguagem multimodal criado pela OpenAI, em 2023, e o quarto modelo da série GPT. Ele pode gerar conteúdo para diversas finalidades, como artigos e notícias, roteiros para vídeo, escrever e-mails, realizar projeções financeiras e criar códigos em diferentes linguagens de programação. O GPT-4 é capaz de interpretar imagens e gráficos, fornecendo análises e insights sobre o conteúdo inserido.

FacebookWhatsAppTwitter

  0 Comentários

FacebookWhatsAppTwitter