Loading

Pesquisar

Estados

Deputado defende portadores de fibromialgia no Paraná

Projeto do deputado estadual Cobra Repórter (PSD) garante benefícios sociais para portadores da doença

08 de jul de 2024

O deputado Cobra Repórter: justificativa é baseada em pedidos de lideranças da área da saúde e de paranaenses que sofrem com a doença.

Redação Scriptum com Assembleia do Paraná

O deputado estadual Cobra Repórter, do PSD do Paraná, apresentou requerimento na Assembleia Legislativa em que solicita o reconhecimento da fibromialgia como deficiência no Estado. O requerimento foi endereçado ao governador Carlos Massa Ratinho Jr., também filiado ao partido, e à secretaria estadual de Saúde. “Atualmente, dezessete Estados brasileiros já reconhecem a fibromialgia como deficiência. No Paraná, a Lei Estadual 14.165, de 29 de outubro de 2003, com redação dada pela lei estadual 20.830, de 30 de novembro de 2021, dispõe sobre o atendimento prioritário às pessoas com deficiência e portadoras de fibromialgia. Contudo, a norma não reconhece expressamente a fibromialgia como deficiência, o que impede o acesso a benefícios importantes, como identificação de deficiência para prioridade em estacionamentos e benefícios fiscais”, explica o deputado.

A justificativa do parlamentar é baseada em pedidos de lideranças da área da saúde e de paranaenses que sofrem com a doença. A fibromialgia afeta diretamente o sistema musculoesquelético, causa dor generalizada e outros sintomas debilitantes como falta de sono, cansaço, distúrbios de humor, ansiedade e depressão. Os sintomas podem resultar em impedimentos severos a longo prazo, comprometendo a qualidade de vida dos portadores.

Segundo o deputado, o Paraná se destaca por promover ações voltadas à saúde pública, mas ainda existem desafios significativos para o aperfeiçoamento dos direitos necessários aos cidadãos. “É uma questão de saúde e equidade. O reconhecimento da fibromialgia como deficiência é crucial para garantirmos a dignidade e a qualidade de vida dos portadores dessa condição em nosso Estado.”

Informações Partidárias

Notícias