Loading

Pesquisar

ESTADOS

PSD Mulher faz último encontro do ano em Pernambuco

Tema central do evento foi a ampliação da participação feminina nos espaços de poder

16 de dez de 2021

André de Paula entre as coordenadoras do PSD Mulher-PE, Andréa de Paula e Carol Peixoto; a ex-prefeita Maria Sebastiana e a secretária Cacau de Paula

Redação Scriptum com assessoria do PSD Mulher

O último encontro do PSD Mulher de Pernambuco em 2021 foi realizado na tarde desta quarta-feira (15), em Recife, reforçou o debate sobre a importância da participação e ampliação da presença feminina nos espaços de poder.

O evento teve a participação de mulheres que se destacam no Estado pela defesa dessas bandeiras, como as coordenadoras do PSD Mulher de Pernambuco, Andréa de Paula e Carol Peixoto, a deputada estadual Gleide Ângelo, as secretárias da Prefeitura do Recife que fazem parte de uma gestão com paridade de gênero, Glauce Medeiros (da Mulher) e Cacau de Paula (Turismo e Lazer), da prefeita de Glória do Goitá, Adriana Paes, e da ex-prefeita de João Alfredo, Maria Sebastiana. O presidente do Diretório Estadual do PSD, o deputado federal André de Paula, também esteve presente.

“Precisamos, urgentemente, reforçar a importância da participação ativa das mulheres em todos os espaços de poder da nossa sociedade e não apenas em nossas casas, como mães e esposas”, disse Andréa de Paula. Para ele, “somos capazes de ser tudo que quisermos; podemos sonhar grandes coisas e realizá-las com excelência, podemos colaborar bastante para o desenvolvimento do nosso Estado, do nosso País”.

Ambiente político

No exercício do seu primeiro mandato na Assembleia Legislativa de Pernambuco, Gleide Ângelo destacou a urgência de se falar sobre os espaços destinados às mulheres nas instituições e no ambiente político. Segundo ela, apenas quando mulheres são eleitas é possível defender demandas e pautas que reflitam os interesses femininos. “Ocupamos cadeiras e cargos políticos, mas ainda não conseguimos romper com as barreiras que enfrentamos, muitas vezes sutis, mas que se apresentam cotidianamente e seguem afastando as mulheres dos espaços de atuação e de fala em nossa sociedade”, disse.

Analfabeta até os 19 anos e com uma história de vida carregada de desafios e de superação, Maria Sebastiana aposta na educação como principal meio de ascensão feminina. “Por onde passo, faço questão de dar o meu testemunho”, contou. “A nossa história e as nossas dificuldades podem ajudar outras pessoas; muitas vezes, só conhecemos a força que temos quando a vida nos coloca à prova”. A ex-prefeita de João Alfredo incentivou as participantes: “Estudem, busquem conhecimento e não tenham medo de nada”.

Informações Partidárias

Notícias