Loading

Pesquisar

GESTÃO

Ulisses Maia fala sobre desafios para o futuro de Maringá

Prefeito da cidade do norte paranaense apresenta resultados de sua gestão no aniversário de 74 anos do município que é considerado como o melhor lugar do Brasil para se viver

07 de maio de 2021

O prefeito Ulisses Maia: “Temos que pensar daqui cinco anos, daqui dez anos, qual a cidade que vamos continuar construindo”

Considerada uma das cidades mais arborizadas e limpas do país, Maringá, na região norte do Paraná, completa 74 anos nesta segunda-feira (10). Para o prefeito Ulisses Maia (PSD), embora relativamente jovem, o município já conquistou uma posição importante no País, sendo considerado “A Melhor Cidade do Brasil para se Viver”, por conta de seus indicadores sociais. Esse fato, porém, coloca para a administração municipal um grande desafio, que é continuar o trabalho para garantir que ela continue sendo o melhor lugar do País para se viver. “E isso se torna ainda mais complicado num momento difícil como o atual, quando se está no meio de uma pandemia como a do novor coronavírus”.

Maringá, conforme estimativas do IBGE, tinha 430 mil habitantes em 2020, sendo o centro de uma Região Metropolitana com mais de 800 000 habitantes. Para Ulisses Maia, além do papel como polo regional, a cidade se destaca ainda em áreas como o saneamento, na qual é a segunda melhor do Brasil. “O empreendedorismo de Maringá também se destaca. Maringá também é a segunda melhor cidade para se empreender no Paraná, perdendo só para a capital. Você pega as finanças públicas, com toda a dificuldade que existe no momento, mas nós temos superavit, o que permite investimentos na área da saúde, na área da educação. Você pega a educação pública municipal, é de excelência o nível do material escolar, do uniforme, do processo pedagógico, é exatamente ou até superior à escola privada”.

Esses e outros temas foram tratados pelo prefeito em entrevista à rádio CBN Maringá e o GMC Online, veículos do Grupo Maringá de Comunicação (GMC), nesta sexta-feira (7), em um balanço da gestão às vésperas do aniversário da cidade. Nas entrevistas, Maia comentou sobre os destaques da comemoração, falou sobre o papel que o município tem como polo regional e sobre o transporte coletivo, um dilema durante a pandemia.

 

Pesquisa

Na quinta-feira (6), Ulisses Maia havia apresentado pesquisa inédita sobre a indústria local elaborada pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (IPPLAM), vinculado à Prefeitura Municipal. O estudo identificou as características básicas do segmento, o perfil da qualificação profissional, o modelo de gestão aplicado, a ocupação territorial, entre outras informações.

A pesquisa apontou que o município tem área de 2,4 milhões de hectares disponíveis para as atividades industriais, possui programa de incentivos fiscais e gera 36.762 empregos formais na área industrial. Destes empregos, 9.588 apenas no setor de fabricação de produtos alimentícios. Dos 25 setores que responderam os questionários no final de 2020, 75% pretendem realizar novos investimentos, 63% têm de zero a nove funcionários e 70% dos funcionários utilizam meio de transporte próprio.

O prefeito ressaltou a relevância do IPPLAM, implantado pela gestão em 2018 com o intuito de planejar a cidade a longo prazo. “Maringá é, com 74 anos, a melhor cidade do Brasil para se viver. Temos que pensar daqui cinco anos, daqui dez anos, qual a cidade que vamos continuar construindo. Para isso, é fundamental a pesquisa, a informação e o planejamento que é feito pelo instituto”, afirmou.

Informações Partidárias

Notícias