Loading

Pesquisar

MUNICÍPIOS

BH vai celebrar aniversário de 80 anos da Pampulha

Gestão do prefeito Fuad Noman (PSD) preparou extensa programação de eventos para valorizar conjunto que é patrimônio cultural mundial

21 de jun de 2024

O prefeito Fuad Noman: festejos terão exposições, shows, palestras, seminário, lançamento de livros e documentário

Edição Scriptum com Prefeitura de Belo Horizonte

Com o objetivo de valorizar o patrimônio cultural da capital mineira, a gestão do prefeito de Belo Horizonte, Fuad Noman (PSD), vai realizar ao longo da próxima semana uma extensa programação para comemorar os 80 anos do Conjunto Moderno da Pampulha, reconhecido como Patrimônio Cultural Mundial pela Unesco.

De acordo com a Prefeitura, a celebração é uma oportunidade única para valorizar não apenas o patrimônio material, representado pelas icônicas obras de Oscar Niemeyer, mas também o patrimônio imaterial, que engloba a rica história e a identidade cultural da região.

Eventos como exposições, shows, palestras, seminário, lançamento de livros e documentário proporcionarão à comunidade e aos visitantes uma imersão na história e no legado da Pampulha, reforçando o papel vital da cultura e da arte.

No dia 23 de junho, a Praça da Pampulha será palco do Fecomércio Pampulha Celebra, com entrada gratuita. O evento conta com Forró Sound System, Festival “EmBrasa” com Bloco Magnólia e convidados especiais, espetáculo teatral “As Cores da América Latina”, do Amazonas, e show da cantora Fernanda Abreu, que tem como convidada especial a mineira Agusta Barna.

Nos dias 25 e 26 de junho, a Casa do Baile – Centro de Referência de Arquitetura, Urbanismo e Design receberá o Seminário Pampulha(s): Paisagens e outros horizontes, com palestras, mesas de debate, lançamento de livro, exibição de documentário e atividades educativas, além da inauguração do Projeto Moradores: Conjunto Moderno da Pampulha.

No dia 27 de junho, o Museu Casa Kubitschek inaugura a exposição Traçar Moderno: construindo formas e trajetórias, e lança a publicação “Museus, Educação e Território: experiências educativas na Pampulha”.

Secretária municipal de Cultura e presidente interina da Fundação Municipal de Cultura, Eliane Parreiras, destaca a importância de celebrar os 80 anos do Conjunto Moderno da Pampulha com uma programação inteiramente gratuita, que encerra as comemorações iniciadas no último ano. “A celebração dos 80 anos do Conjunto Moderno da Pampulha é um marco significativo para Belo Horizonte, refletindo o compromisso do prefeito Fuad Noman em preservar e promover a riqueza cultural da cidade. Os eventos são uma oportunidade para que a população e os visitantes desfrutem de uma programação variada e acessível, que inclui desde espetáculos teatrais até apresentações musicais, seminário, lançamento de publicações e oficinas educativas. O Conjunto Moderno da Pampulha, reconhecido como Patrimônio Cultural Mundial pela Unesco, simboliza o espírito inovador e a riqueza artística de Belo Horizonte. Ao oferecer atividades gratuitas neste espaço, reforçamos a necessidade de democratização da cultura e da valorização de nosso patrimônio. É um momento de celebração e reconhecimento da importância deste legado histórico”, afirma.

Informações Partidárias

Notícias