Loading

Pesquisar

São Paulo

Câmara de SP aprova aumento de gratificação na Atividade Delegada

Projeto que valoriza agentes de segurança da capital paulista contou com emendas do vereador Coronel Salles (PSD)

23 de nov de 2023

Projeto foi elaborado pela prefeitura, com emendas do vereador Coronel Salles (PSD).

Redação Scriptum

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou nesta quarta-feira (22), em segundo turno, o projeto de lei 511/2023, que eleva as gratificações destinadas aos policiais civis e militares, além dos profissionais do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) envolvidos na Atividade Delegada na capital paulista. O projeto foi elaborado pela prefeitura, com emendas do vereador Coronel Salles (PSD). O texto aprovado também contempla a atualização dos valores pagos aos guardas civis metropolitanos que participam da Diária Especial de Atividade Complementar (DEAC).

Coronel Salles defendeu o aumento e a equiparação do valor da diária entre os integrantes das polícias e da Guarda Civil. “O aumento nas gratificações não apenas reconhece a dedicação dos agentes de segurança, mas também incentiva um desempenho ainda mais eficaz na preservação da ordem e na proteção da comunidade. Estou certo de que este é um investimento fundamental para a melhoria da segurança em São Paulo e estou orgulhoso de ter contribuído para este projeto tão importante”, afirmou o parlamentar, que é ex-comandante geral da PM.

A Atividade Delegada possibilita aos policiais atuarem na segurança pública durante os dias de folga. O programa é realizado pelas polícias, pelo Corpo de Bombeiros, o Samu, o município e o governo do Estado de São Paulo. Incentivos adicionais serão concedidos aos profissionais que atuam em regiões estratégicas e no período noturno, das 22h às 6h. Os valores pagos aos beneficiários serão corrigidos pela Unidade Fiscal do Estado de São Paulo (Ufesp).

Informações Partidárias

Notícias