Loading

Pesquisar

ELEIÇÕES 2022

Evento reforça pré-candidatura de Lissauer ao Senado

Em Goiás, encontro do PSD mostra que políticos e empresários entendem que o deputado Lissauer Vieira tem capacidade para assumir a vaga em Brasília e representar o Estado

23 de maio de 2022

Francisco Jr, Vilmar Rocha e Lissauer Vieira

Redação Scriptum

O nome do presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, deputado Lissauer Vieira (PSD), vem ganhando apoio e se fortalecendo para concorrer à vaga de senador pelo Estado. No domingo (22), em encontro regional realizado em Rio Verde, no Sul do Estado, várias entidades, lideranças políticas, empresariais e do agronegócio declararam seu apoio a Lissauer Vieira como pré-candidato ao Senado.

No evento, realizado na sede do Sindicato Rural de Rio Verde, o presidente estadual do PSD, Vilmar Rocha, avaliou que a pré-candidatura de Lissauer caminha bem, especialmente porque o chefe do Legislativo goiano já tem forte apoio político-partidário, incluindo vereadores, deputados e prefeitos.

Além disso, lembrou, o deputado já mantém contato com empreendedores, pessoas ligadas ao agronegócio e ao comércio. E ainda, disse Vilmar, há uma forte agenda para que o nome de Lissauer Vieira chegue à sociedade. “Assim, ele crescerá nas pesquisas”, ressalta.

Na avaliação do presidente do PSD em Goiás, o fortalecimento de Lissauer para possível candidato ao Senado se deve ao seu bom desempenho no comando da Assembleia goiana. “Primeiro, ele deu governabilidade ao Estado. Se não fosse a condução de Lissauer como presidente da Casa, o Estado não estaria na situação fiscal equilibrada que acontece hoje. Todos reconhecem que ele foi um pouco fundamental para a governabilidade do governo estadual. Portanto, o deputado obteve um crescimento”, diz.

O avanço do nome de Lissauer, adianta Vilmar, também é em razão de o parlamentar ter agregado e somado forças. “Ele é chefe de um poder, como presidente da Assembleia, que conseguiu congregar a maioria dos deputados goianos em torno do seu nome”, lembra.

Para completar, o líder do PSD em Goiás aponta outros fatores para Lissauer estar em evidência, como o fato de ele ser um político representante do agronegócio, setor considerado vital para a economia goiana e do país, além da questão do pessedista ser representante do Sudoeste goiano, região importante do Estado. “Ele é jovem, moderado, está motivado e é bom de diálogo. Enfim, pode ser um excelente senador por Goiás.”

Contente por receber o apoio de entidades classistas, sociedade, segmentos organizados e a classe política, Lissauer Vieira ressalta que a parceria dos companheiros significa o pontapé inicial no sentido de debater pautas importantes sobre assuntos que envolvem Rio Verde, Goiás e o país.

Pelo fato de conhecer e acompanhar as dificuldades vividas nos últimos anos em Goiás, junto de lideranças políticas que estão ao seu lado e, com a parceria de Ronaldo Caiado, Lissauer entende que tem condições de fazer com que o Estado possa crescer. “Estamos num Estado rico e de oportunidades que precisa ser gerido por pessoas de caráter, decisão firme e queiram o melhor para os goianos”, diz.

Pré-candidato a deputado federal que ocupou a vaga deixada por Lissauer Vieira, o produtor rural Dannillo Pereira (PSD) defende que o nome do agronegócio atualmente é o presidente da Alego. “Caso ele seja senador por Goiás, demonstrará a força de Rio Verde e da região. Ele se mostrou muito habilidoso no contato com outros parlamentares e será um senador diferente se o projeto seguir adiante”, diz.

Encontro em Rio Verde reuniu mais de 3 mil pessoas

Encontro

Mais de três mil pessoas prestigiaram o ‘Todos Por Goiás’, o primeiro de uma sequência de encontros mobilizados pelo grupo visando fortalecer candidaturas que sejam viáveis para atender os anseios da categoria nas eleições 2022.

O evento reuniu, além de representantes de entidades como Aprosoja Goiás, Cooperativa Comigo, OCB-GO, Aprova, FAEG, SGPA, deputados, 14 prefeitos, 40 vereadores, presidentes de partido e lideranças políticas de todo o Estado, além da população em geral.

Falando em nome das entidades do setor produtivo o presidente da Aprosoja Goiás, Joel Ragagnin, destacou que “nossa maior dificuldade, quando tratamos de assuntos ligados ao agronegócio, que foi a mola propulsora da economia goiana nos últimos anos, mas também de toda comunidade, é ter representantes que efetivamente trabalham os temas com responsabilidade e credibilidade. É por isso que estamos aqui trazendo o nome do Lissauer para que ele possa levar essas discussões ao Senado”, enfatizou.

Informações Partidárias

Notícias