Loading

Pesquisar

MUNICÍPIOS

Felicio anuncia R$ 347 milhões para o setor de saúde em SP

O governador em exercício, Felicio Ramuth, e o secretário estadual de Saúde, Eleuses Paiva, anunciaram o repasse anual da verba em evento realizado em São José dos Campos

19 de mar de 2024

O secretário Eleuses Paiva e o vice-governador Felicio Ramuth

Redação Scriptum com Governo de São Paulo

O governador em exercício de São Paulo, Felicio Ramuth (PSD), anunciou nesta segunda-feira (18) o repasse anual de R$ 347 milhões para as 39 cidades da região do Vale do Paraíba, no interior do Estado, por meio dos programas Tabela SUS Paulista e Incentivo à Gestão Municipal (IGM SUS Paulista). O anúncio ocorreu durante a 2ª Oficina de Regionalização da Saúde, em São José dos Campos. O evento integra a programação do projeto Gabinete 3D – Saúde e contou com a participação do secretário estadual responsável pelo setor, Eleuses Paiva, também filiado ao partido. “A melhoria do sistema de saúde e da prestação dos serviços de saúde passa por distribuirmos melhor os atendimentos nas nossas regiões. Evitando grandes deslocamentos e, na medida do possível, fazendo com que cem por cento dos atendimentos aconteçam aqui no Vale do Paraíba e no litoral Norte, com a estrutura de hospitais filantrópicos, santas casas e hospitais estaduais e regionais. Hoje a discussão se dá no desenho da ampliação de ofertas, com base na tabela SUS Paulista, que injetou R$ 3,5 bilhões na economia estadual para remunerar as santas casas e hospitais filantrópicos”, afirmou o governador em exercício. Felicio assumiu o cargo interinamente em função de o governador Tarcísio de Freitas cumprir agenda oficial de cinco dias em Israel, após convite feito pelo primeiro-ministro do país do Oriente Médio, Benjamin Netanyahu.

A 2ª Oficina de Regionalização da Saúde reuniu prefeitos do Vale do Paraíba e representantes de 103 entidades filantrópicas da região, que atendem uma população de cerca de 2,5 milhões de pessoas. Eleuses Paiva destacou a importância da estratégia do projeto de regionalização. “Estamos aqui discutindo sobre uma gestão personalizada para cada região, com aporte de recursos e remunerando adequadamente os prestadores para as filas andarem. Desde o início do projeto, observamos a discrepância na assistência à saúde nas regiões. Por isso, é compromisso deste governo trabalhar pela equidade social”, disse o secretário.

Oficinas regionais

O Gabinete 3D tem como objetivo elaborar políticas públicas mais eficientes e melhorar a qualidade dos serviços oferecidos à população. O nome do programa faz referência à gestão “3D” exercida pelo governador Tarcísio de Freitas, que busca promover o “desenvolvimento, o diálogo e a dignidade”. A secretaria de Saúde foi a primeira a implantar o projeto e a promover oficinas regionais.

Informações Partidárias

Notícias