Loading

Pesquisar

SEGURANÇA

Polícia de Minas recebe pistolas de emissão de impulsos elétricos

Equipamento foi adquirido por meio de emenda parlamentar do deputado federal Subtenente Gonzaga, do PSD

06 de abr de 2022

Para o Subtenente Gonzaga, “armamento visa imobilizar o agressor de forma que reduza a lesão e promove uma maior segurança do militar”

Redação: Scriptum com Diário do Aço

Em solenidade nesta segunda-feira (4), no auditório do 14º Batalhão em Ipatinga (MG), o Comando da 12ª Região de Polícia Militar recebeu 40 pistolas de emissão de impulsos elétricos.

O armamento foi adquirido por meio de emenda parlamentar do deputado federal Subtenente Gonzaga, do PSD, e visa imobilizar um indivíduo abordado por meio de uma descarga elétrica.

O deputado Subtenente Gonzaga ressaltou a importância da pistola de impulsos para o policial que está nas ruas, já que ela evita o uso de munição letal em alguns casos. Para a 12ª Região de Polícia Militar foram destinados 102 equipamentos. “Esse armamento vai evitar que muitos militares caiam nas barras da Justiça porque ele visa imobilizar o agressor de forma que reduza a lesão e promove uma maior segurança do militar que está atuando e das pessoas que estão no entorno”, disse.

O comandante da RPM, Coronel Juliano Fábio Lemos Dias, explicou que essa pistola é um instrumento de menor potencial ofensivo e que será muito eficiente na rotina policial. “Evita usarmos força ou armamento letal contra pessoas que estão em surto ou apresentam algum tipo de resistência. Essas 40 armas serão distribuídas para 32 cidades, com isso fechamos com os nossos 97 municípios contemplados, já que cidades na área do 11º BPM e 62º BPM já receberam”.

O coronel acrescentou que a pistola de emissão de impulsos elétricos tem, normalmente, um alcance de cinco metros. O modelo entregue na solenidade emite impulsos durante 5 segundos após acionamento e, depois disso, a arma corta a emissão de voltagem, o que evita até mesmo acidentes de trabalho no decorrer da ação policial. Todos os militares que receberam a arma também terão um treinamento.

Informações Partidárias

Notícias