Loading

Pesquisar

ESTADOS

São Paulo antecipa R$ 412 milhões para municípios

O governador Tarcísio de Freitas antecipou a liberação dos recursos do programa IGM SUS Paulista, que vão reforçar a atenção básica nas 645 cidades do Estado

21 de jun de 2024

O governador Tarcísio de Freitas assina repasse: verba será paga em parcela única.

Redação Scriptum com Governo de São Paulo

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, assinou nesta sexta-feira (21) a autorização para o repasse antecipado de R$ 412 milhões do programa IGM SUS Paulista – Incentivo à Gestão Municipal. A verba, que seria destinada aos 645 municípios paulistas somente em agosto e novembro deste ano, será paga em parcela única. A cerimônia que marcou a antecipação dos recursos foi realizada no Palácio dos Bandeirantes e contou com as participações do secretário de Governo e Relações Institucionais, Gilberto Kassab, presidente nacional do PSD, do secretário estadual de Saúde, Eleuses Paiva, também filiado ao partido, entre outras autoridades.

Durante o evento, o governador reafirmou o compromisso com o fortalecimento dos serviços de atenção básica no setor de saúde. “Estamos celebrando mais uma liberação de recursos. Um dinheiro que vai para a atenção básica, através do IGM SUS Paulista. Este ano está sendo de muita pressão, tivemos a dengue, que pressionou lá atrás e a gente antecipou recursos. Agora estamos antecipando R$ 412 milhões, o dinheiro já está na conta. Nós vamos manter os demais investimentos em outras áreas e vamos seguir trabalhando em cooperação com os municípios”, destacou Tarcísio.

Em fevereiro deste ano, o governo de São Paulo antecipou R$ 205 milhões do IGM SUS Paulista, previstos originalmente para maio. A liberação da verba ajudou os municípios no combate às arboviroses urbanas, especialmente a dengue. “Vivemos, no País e no mundo, um grande desafio econômico. É justamente devido à preocupação do governo Tarcísio de manter a sustentabilidade nos municípios, principalmente, no que tange à atenção em saúde, que nós estamos anunciando mais esse importante recurso para o investimento na atenção básica”, frisou o secretário Eleuses Paiva.

IGM SUS Paulista

Para participar do IGM SUS Paulista, as prefeituras devem cumprir metas em indicadores importantes no setor, como a cobertura vacinal, a prevenção à mortalidade infantil e o controle de arboviroses urbanas. Impulsionado pelo projeto de regionalização da saúde no Estado, o IGM SUS Paulista também elevou os repasses estaduais para os municípios, que saltaram de R$ 4 per capita para até R$ 40.

Informações Partidárias

Notícias